Prefeitura retira 43 mil toneladas de córrego no Aricanduva

Na manhã desta terça-feira (28/12) o prefeito de São Paulo vistoriou os trabalhos de limpeza, poda e desassoreamento do córrego Aricanduva. As ações fazem parte da Operação Chuvas de Verão, plano coordenado pela Defesa Civil entre os meses de novembro e abril que tem como objetivo realizar ações preventivas contra enchentes.

Além dos serviços realizados no córrego, a Prefeitura reforçou a desobstrução de bueiros e galerias e deu início à remoção de material inerte nos seis piscinões da região de São Mateus. Foram retiradas 43 mil toneladas na operação de desassoreamento, sendo que 40 mil toneladas permanecem nas margens para secagem e as outras 3 mil já foram enviadas para os aterros.

“Estes serviços fazem parte do nosso programa de manutenção permanente do Aricanduva. Temos retirado diariamente quantidades grandes de detritos, o que tem contribuído decisivamente para que a avenida Aricanduva não fique alagada. A Prefeitura tem se esforçado cada vez mais para preparar a cidade para os períodos de chuvas por meio de novos investimentos, capacitação dos funcionários, construção de novos piscinões e programas de manutenção”, disse o prefeito.

O desassoreamento do córrego Aricanduva é fruto de uma parceria entre a Prefeitura de São Paulo e o Departamento de Águas e Energia Elétrica (DAEE) do Governo do Estado. Coube ao DAEE emprestar o maquinário e à Subprefeitura de São Mateus executar o serviço.

Além do desassoreamento, a subprefeitura realizou a poda da vegetação da margem e reforçou o trabalho de limpeza e manutenção do sistema de microdrenagem (bueiros e ramais). Os seis piscinões presentes na região também foram alvo da Operação Chuvas de Verão e passaram por limpeza com remoção de material inerte e desinfecção do local, serviço que auxilia no controle de doenças infecto-contagiosas.

“As condições de chuva, em comparação ao ano passado, estão maiores do que a média para o mês de dezembro. Mas a Prefeitura tem se preparado antecipadamente para as chuvas. A nova logística de manutenção de drenagem, o monitoramento das centrais e os investimentos em obras aqui na bacia do Aricanduva e também no Pirajussara apontaram uma grande evolução, por exemplo, já que não houve nenhum transbordamento nesses pontos”, explicou o secretário de Coordenação das Subprefeituras.

Operação Chuvas de Verão

A Operação Chuvas de Verão é um esforço de várias secretarias e órgãos ligados à Prefeitura com o objetivo de minimizar os estragos provocados pelas fortes chuvas. Além das ações emergenciais, a operação também estabelece medidas preventivas para a população, como a orientação prévia das comunidades sobre os procedimentos que devem ser tomados em caso de risco de enchente.

Aumento da tarifa de ônibus

Durante a vistoria à limpeza do córrego no guia do bairro Aricanduva, o prefeito de São Paulo anunciou o aumento da tarifa de ônibus de R$ 2,70 para R$ 3,00. A nova tarifa entra em vigor no dia 5 de janeiro de 2011 e foi reajustada em 11,11% com base na planilha tarifária elaborada pelos técnicos da SPTrans.

Nos últimos anos, a Secretaria Municipal dos Transportes promoveu uma série de melhorias para os usuários de ônibus como, por exemplo, a renovação de 65% da frota, aumento da frota acessível para 5.100 veículos, ampliação da validade do Bilhete Único de duas para três horas e a criação do Bilhete Amigão, que permite ao usuário fazer quatro viagens de ônibus em até oito horas, aos domingos e feriados.

Fonte: Prefeitura de São Paulo




Deixe seu comentário